Saiba tudo sobre a Carteira de Trabalho Digital 

Benefícios e Aplicações

Ouça este conteúdo sobre Carteira de Trabalho Digital

A Carteira de Trabalho Digital é uma facilidade que já é utilizada por trabalhadores em todos os lugares do Brasil. Apesar de ter sido oficializada em 2019 (quando a física, em papel, deixou de ser produzida), a versão eletrônica do documento já existe desde 2017. Solicitá-la é muito simples e o processo pode ser ainda mais fácil com o Certificado Digital, utilizado para acessar o portal Gov.br.

Confira este artigo e saiba mais sobre como solicitar a Carteira Digital e como utilizá-la.

O que é a Carteira de Trabalho Digital?

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é o documento no qual consta o histórico profissional do indivíduo e garante o acesso aos direitos trabalhistas previstos na lei. Contratações, demissões/rescisões, férias, aumentos de salário/reajustes são algumas das informações que constam nesta certidão. A Carteira de Trabalho Digital, no caso, é a versão eletrônica do documento, acessada por meio de um dispositivo móvel ou computador.

Carteira Digital X Carteira física

Não há diferença entre as modalidades, ambas desempenham a mesma função. A única questão é que a versão física não é mais produzida, então a tendência é que as empresas passem a adotar, cada vez mais, a digital.

Além disso, por estar armazenada em um dispositivo móvel, com a digital fica muito mais fácil para o(a) trabalhador(a) ter seus dados à mão. Com a física, no caso, isso não pode ser feito tão facilmente, pois a Carteira de Trabalho não costuma ser um documento que as pessoas levem consigo no dia a dia.

Como adquirir a Carteira de Trabalho Digital?

A versão eletrônica da CTPS pode ser adquirida por qualquer cidadão que tenha um CPF.

O processo é imediato, sem a necessidade de aprovação e/ou interação de terceiros. As etapas são:

  • Ter o número do CPF em mãos;
  • Caso não tenha, fazer o cadastro no site Gov.br – processo pode ser feito por meio do Certificado Digital e-CPF;
  • Baixar o aplicativo da Carteira Digital ou utilizar a versão web.

Cadastro com Certificado Digital

Neste caso, o Certificado Digital pode ser utilizado para efetuar o cadastro e para acessar serviços disponibilizados no site Gov.br. No entanto, é válido frisar que o e-CPF (modelo utilizado para o uso desta plataforma) poder ser útil também para: no hora de declarar o Imposto de Renda (conferindo mais facilidade, prioridade na restituição e outros benefícios), assinar documentos pela internet com validade jurídica e poucos cliques e abrir empresas pelas Juntas Digitais, por exemplo.

Na Certisign, inclusive, é possível obter o Certificado Digital e-CPF por R$ 12 ao mês (armazenado em mobile).

A Carteira física ainda é válida?

As empresas ainda não aderentes ao eSocial podem, sim, solicitar a versão em papel da Carteira de Trabalho. Em 2021 todas as companhias deverão estar cadastradas no eSocial, então a tendência é essa situação seja cada vez menos comum.

Em todo caso, é possível requerer a versão física sob essa justificativa, caso necessário. Porém, isso não impede que o(a) trabalhado(a) se adiante e baixe a versão digital e, claro, para sua própria comodidade.

Você pode gostar deCertificado Digital para vender nos marketplaces

Esse conteúdo foi útil?

Clique em uma estrela para avaliá-lo!

Poxa! Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Lost Password